Pular para o conteúdo

Ao Menino Jesus de Praga

Ó MIRACULOSO MENINO JESUS, prostrados diante de Vossa Imagem sagrada, suplicamos que lanceis um olhar misericordioso sobre nossos corações atribulados. Permiti que Vosso terno Coração, tão inclinado à piedade, seja suavizado por nossas preces e concedei-nos aquela graça que tão ardentemente Vos suplicamos.

Tirai de nós toda aflição e desespero, todas as provações e infortúnios que nos pesam. Ouvi nossas preces e enviai-nos consolo e ajuda, por amor de Vossa sagrada infância, pela qual Vos louvamos, com o Pai e o Espírito Santo, hoje e sempre!  Amém.

A Virgem Maria – [S. Antônio de Pádua]

“BEM-AVENTURADO o ventre da gloriosa Virgem, que mereceu trazer por nove meses todo o bem, o sumo Bem, a felicidade dos anjos, a reconciliação dos pecadores”.

“Cristo na verdade veio em nosso socorro ao dar-nos sua divindade e aceitar nossa humanidade, para que pudéssemos ser aceitos no Reino de Deus, uma vez que dele estávamos excluídos. Para que tivéssemos acesso ao Céu, ele o deixou”.

“Porque o homem estendeu sua mão para apossar-se da glória da majestade divina, Deus se desfez da sua poderosa glória e na sua humildade se acomodou aos homens”.

“Alma de santo algum reuniu tantas riquezas de virtudes como o de Maria Santíssima. Por causa da insígnia da sua humildade, da flor ilesa da sua virgindade, mereceu conceber e dar à luz o Filho de Deus”.

“Maria é a estrela do mar. Ela é a estrela deslumbrante, que ilumina a noite e guia ao porto”.

“Maria: nome amável aos anjos, terrível aos demônios, salutar aos pecadores, suave aos justos”.

“Maria Santíssima, ao dar à luz o Filho de Deus, o envolveu em paninhos de áurea pobreza. Ó ouro ótimo da pobreza! Quem não te possui, ainda que possua todas as coisas, nada possui”.

(Santo Antônio de Pádua, ou de Lisboa, 1195-1231, franciscano. Doutor da Igreja).

IMG_20191101_190848.jpg

 

 

 

A São José, em favor de um doente

ONIPOTENTE  PODEROSÍSSIMO SENHOR, que sois a saúde eterna para todos os que creem em Vós e de coração Vos amam, escutai, pelos méritos de São José, pai adotivo do Vosso Filho Jesus, as orações que Vos dirigimos por este doente.

Pelo cuidado e diligência com que o Santo Esposo de Maria tratou da saúde e vida de Jesus, Vos pedimos que aparteis deste doente a enfermidade que o aflige e fazei que os remédios que se lhe aplicam produzam com eficácia o efeito desejado. Bem sabemos que os recursos da ciência e os recursos humanos nada podem sem Vós, autor e inspirador de todo o conhecimento útil; em Vós, pois, colocamos nossa confiança e não seremos confundidos. Consolai, ó bom Jesus, este pobre doente que tanto sofre, assim como outrora Vos consolou o glorioso São José, para que, livre da doença que o atormenta, louve eternamente Vossa misericórdia. Amém.

Como perseverar ? – [São João Maria Vianney]

PARA TUDO,  o cristão conta apenas com Deus; e consigo mesmo para nada. Sim, foi graças à oração que todos os justos perseveraram…

Aliás, nós mesmos constatamos: basta relaxarmos em nossas orações e eis que perdemos o gosto pelas coisas do Céu; pensamos somente na terra. E, quando retomamos a oração, sentimos renascer, em nós, o pensamento e o desejo das coisas do Céu.

Sim, se temos a felicidade de estar na graça de Deus, ou recorremos à oração ou estaremos certos de não perseverar por muito tempo no caminho do Céu.

(São João Maria Vianney,  francês, 1788-1859, padroeiro dos sacerdotes).

 

A São Sebastião

SÃO SEBASTIÃO, GLORIOSO MÁRTIR DE JESUS CRISTO e poderoso advogado contra a peste, defendei-me, à minha família e a todo o nosso país do terrível flagelo da peste e de todos os males, para que, íntegros, servindo a Jesus Cristo, nosso Senhor, alcancemos a graça de participar, juntamente convosco, da glória celeste. Amém.

381d4da0c7c0afeaef66bac3d50d4d54.jpg

“Que eu te conheça, te ame…” – [ Santo Anselmo de Cantuária ]

Ó DEUS, ROGO-TE QUE PERMITAS QUE TE CONHEÇA, TE AME, e possa assim fruir da tua felicidade. E se não posso tê-la plenamente durante esta vida, ao menos consiga avançar, cada dia mais, em direção a ela, de modo a alcançá-la plenamente. Que o conhecimento de ti cresça, durante a minha vida, de forma a fazer-se pleno na outra. Que o meu amor para contigo aumente cada vez mais até chegar à plenitude na vida futura e que, aqui, a minha alegria seja tão grande, na esperança, a fim de que possa ser total ali, na realidade. Ó Senhor, tu por meio do teu Filho nos ordenas, aliás nos exortas, a pedir, e prometes que seremos atendidos, e que a nossa alegria será plena. Peço-te aconselhar-me por meio desse nosso admirável Conselheiro para que eu receba o que nos prometes através da tua Verdade: que a minha alegria venha a ser completa. Deus da verdade, suplico-te, possa eu fruir dessa alegria completa. Que a minha mente, de agora em diante, só pense nisso; que a minha boca só fale nisso; que o meu coração só ame isso; que a minha alma só anele por isso; que a minha carne só tenha sede disso; que o meu ser inteiro só deseje isso até o momento em que perceba em mim a alegria do meu Senhor, que é Uno e Trino, bendito por todos os séculos. Assim seja.

(Proslógio, cap. XXVI.   –  Santo Anselmo de Cantuária, ou de Aosta, 1033-1109, Arcebispo de Cantuária. Doutor da Igreja).

Aos Santos Magos

Ó SANTOS MAGOS, vós que, perscrutando atentamente os céus, recebestes a revelação, por meio da estrela, do grande acontecimento do natal do Rei Salvador, e vos pusestes em seu caminho; intercedei por mim, para que, como vós, esteja sempre atento aos sinais do Senhor em minha vida.

Vós que, encontrando o Menino nos braços de Maria, sua Mãe, cheios de reverência O adorastes e oferecestes ouro, incenso e mirra, reconhecendo assim que Ele é Rei, Deus e homem, e que irá cumprir sua missão pela via do sofrimento; intercedei por mim, para que possa conhecer sempre mais Jesus e o seu Mistério, reconhecê-lo como meu Senhor e Deus, segui-lo fielmente e, por fim, obter a graça de jamais apresentar-me diante d´Ele com mãos vazias. Amém.